Arquivo da tag: AVALIAÇÃO

A “Sociologização” do Vestibular.

Por Leonel Salgueiro,

De que forma podemos pensar a cobrança do conteúdo sociológico nas provas de ingresso ao ensino superior? Seria o saber sociológico uma ferramenta para os alunos que tentam o vestibular, ou a cobrança da disciplina é apenas um pano de fundo para as questões de humanas em geral? Os sociólogos Alexandre Barbosa Fraga e Thiago Oliveira Lima Matiolli discutem em seu artigo “A Sociologia no vestibular e no ENEM: o caminho da legitimidade pelo enquadramento” a importância que a disciplina passa a figurar nos vestibulares brasileiros e o acréscimo do saber sociológico para os vestibulandos.

Continuar lendo A “Sociologização” do Vestibular.

Anúncios

“Você sabe a resposta da dois?” – Comportamentos ilícitos por alunos e professores na educação superior.

Por Leonel Salgueiro,

“Mais de 40% dos alunos e 20% dos professores já testemunharam atividades ilícitas realizadas por colegas em universidades brasileiras.” Estes foram os resultados da pesquisa de nome “A Face Oculta da Universidade Brasileira: Percepções de Comportamentos Ilícitos na Educação Superior por Alunos e Professores” realizada pelo psicólogo, professor aposentado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), José Augusto Dela Coleta em parceria com o educador, professor do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR), Luiz Roberto Gomes.

Continuar lendo “Você sabe a resposta da dois?” – Comportamentos ilícitos por alunos e professores na educação superior.

Doutores no Brasil – O Que Dizer Sobre Nossa Formação – A Crítica ao Sistema de Ensino – Parte 2

Por Leonel Salgueiro,

   A posição que um pesquisador ocupa no campo da ciência relaciona-se diretamente com o capital humano técnico e científico acumulado de que ele dispõe num determinado momento. É o que argumentam Léa Velho e Milena Yumi Ramos sobre a forma de se fazer cientistas no Brasil. Lembrando que esta é a segunda parte da resenha sobre o texto. Para melhor entende-lo, acompanhe a primeira parte clicando aqui.

Continuar lendo Doutores no Brasil – O Que Dizer Sobre Nossa Formação – A Crítica ao Sistema de Ensino – Parte 2

Avaliação das Instituições e Internacionalização das Ciências Sociais na Alemanha. Entrevista com Sérgio Costa. Parte II

 Por Julia França

          Dando continuidade à entrevista concedida pelo professor Sérgio Costa, professor titular de sociologia da Universidade Livre de Berlim, perguntamos essa semana a respeito das práticas de avaliação dos pesquisadores na Alemanha, e o interesse pela internacionalização das ciências sociais naquele país.  Vimos na semana passada as contribuições do professor acerca da sua trajetória acadêmica no exterior, o material pode ser acessado aqui.

O que o senhor pode nos contar a respeito do trabalho acadêmico em geral e dos métodos e práticas de avaliação de pesquisadores na Alemanha?  Há interesse na internacionalização nesse país? De que maneira funciona?

Continuar lendo Avaliação das Instituições e Internacionalização das Ciências Sociais na Alemanha. Entrevista com Sérgio Costa. Parte II

A geopolítica do conhecimento e a América Latina

Por Joanna Cassiano

          A geopolítica do saber e do poder fragmenta o mundo entre países que consomem conhecimento e países que o produzem, dominando econômica e culturalmente o processo de globalização. Em seu artigo “Geopolítica del saber: biografias recientes de las universidades latinoamericanas”, a pesquisadora Marcela Mollis, professora de Educação da Faculdade de Filosofia e Letras da Universidade de Buenos Aires, traça uma análise geral sobre a educação superior na América Latina dentro do contexto de territorialidade do conhecimento. O texto original, publicado em espanhol, integra o livro “Universidad e investigación científica: convergencias y tensiones”. Continuar lendo A geopolítica do conhecimento e a América Latina

Políticas de avaliação do nível superior: da submissão à autonomia da universidade

Por Joanna Cassiano

       Pensar a avaliação acadêmica é pensar um campo de tensões, conflitos e disputas de espaço dentro da perspectiva de um mercado capitalista globalizado. É o que salienta José Dias Sobrinho, professor aposentado da Unicamp, em seu artigo “Paradigmas e políticas de avaliação da educação superior. Autonomia e heteronomia”. O texto integral se encontra publicado no livro “Universidad e investigación científica: convergencias y tensiones”, fruto da Primeira Conferência Regional do Fórum Mundial da Educação Superior, Investigação e Conhecimento da UNESCO, realizado em Porto Alegre, em 2004.

Continuar lendo Políticas de avaliação do nível superior: da submissão à autonomia da universidade

O Sistema de Avaliação da pós-graduação Brasileira e seus impactos nos processos de trabalho dos professores-pesquisadores

Por Joanna Cassiano

Em sua tese de doutorado defendida no ano passado, Marina de Carvalho Cordeiro, doutora em Sociologia pelo PPGSA – UFRJ e atualmente pós-doutoranda na mesma instituição, discute as práticas profissionais dos cientistas sociais na sociedade contemporânea. Para isso, a autora analisa a vivência de professores-pesquisadores membros de diferentes programas de pós-graduação pelo país.

Continuar lendo O Sistema de Avaliação da pós-graduação Brasileira e seus impactos nos processos de trabalho dos professores-pesquisadores