O grande ritual das ciências sociais

Por Edmar M. Braga Filho

Vivemos tempos muito preocupantes, mas também muito interessantes. Como estudantes e profissionais de ciências sociais, estamos acostumados a momentos de crise, seja no interior das disciplinas ou na relação delas com a sociedade. Com isso em mente, embora passemos por uma crise política e econômica atualmente, é importante aproveitar esse momento para refletir não apenas sobre os problemas pelos quais passa o Brasil, mas também sobre o nosso papel diante deles. Assim, nada mais representativo dessa tempestade que a realidade nos impõe do que a imagem do 39º Encontro Anual da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais (Anpocs), realizado em Caxambu, MG.

Cartaz_ANPOCS_2015

Contando com mais de mil inscritos, entre graduandos, pós-graduandos e professores, o encontro deste ano trata de temas cruciais para o futuro de nossa comunidade científica. Visando à reflexão do momento delicado de nosso tempo, um grande simpósio, dividido em três dias, discutirá as conjunturas social, política e econômica. Além disso, contaremos com 31 mesas redondas, 42 grupos de trabalho, 9 colóquios, entre muitas outras atividades. Alguns temas, contudo, merecem destaque, considerando a temática da produção e circulação do conhecimento científico.

IMG_20151026_210819
Evento de abertura

Em termos de difusão e produção do conhecimento, haverá uma sessão especial sobre políticas para a publicação científica, com ênfase nos periódicos de ciências sociais. Dois colóquios tratarão da internacionalização, inovação e avaliação da sociologia hoje. Tema central para qualquer comunidade científica, a internacionalização vem ganhando cada vez mais reflexão das ciências sociais, tendo sido abordada no encontro do ano passado da Anpocs. Além disso, o atual regime produtivista da ciência também será debatido, sobretudo quando falamos de avaliação da produção sociológica. Outra questão que emergiu recentemente foi a relacionada à ética da pesquisa, que também será discutida em um colóquio próprio.

A ciência é de grande interesse sociológico, sendo objeto de debate e investigação de um grupo de trabalho – Ciência, inovação e sociedade: novos ambientes da produção e uso do conhecimento. Por fim, haverá um simpósio de pesquisas de pós-graduandos que se ocupará do papel da ciência na sociedade contemporânea. Além dos assuntos já mencionados, o encontro abordará todos os temas de interesse das ciências sociais, sendo uma ótima oportunidade para ficar por dentro da produção de nossos colegas e das discussões que estão sendo feitas em outras universidades.

Evento de abertura
Evento de abertura

Gostaria de finalizar este texto refletindo sobre a importância de graduandos fazerem parte dos encontros da Anpocs, tão importante quanto a participação de professores e pós-graduandos. Além do fato de que seremos nós futuros cientistas sociais, frequentar as atividades do evento estimula a nossa imaginação sociológica e o nosso senso crítico – inclusive em relação aos rituais e às relações sociais de nossa própria comunidade científica.  Dessa forma, esses grandes eventos são importantes para o cultivo do espírito científico, que envolve criticidade e criatividade. E isso é fundamental para a compreensão de nossa sociedade e de nosso papel nela. Cada vez mais complexa, a realidade social nos impõe novas questões e desafios, mas também oportunidades. O graduando tem importante papel na renovação de nossas lentes de análise.

Anúncios

O que você tem a dizer sobre isso?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s