Circuito Acadêmico: 7 meses de reflexões, críticas e circulação do conhecimento

Por Edmar M. Braga Filho, Joanna Cassiano, Leonel Allende e Raphael Lebigre

Como costuma-se dizer, lá se vai mais um ano em nossas vidas. Para nós, o ano que se finda tem um gosto todo especial. É com nossos corações cheios de orgulho que dizemos 2014 representou a concepção, realização e início da evolução de um projeto que sonhamos juntos: o nosso Circuito Acadêmico. A ideia já existia antes do lançamento oficial da página e foi fruto de debates em nosso  grupo de pesquisa formado por jovens estudantes graduandos em Ciências Sociais da UFRJ, orientados pela professora Eloísa Martin. O projeto começou a engatinhar de maneira modesta, na forma de um blog. Mas foi no dia 27 de maio, pouco após seu nascimento, que  transformou-se no site Circuito Acadêmico: Olhares das Ciências Sociais Sobre a Produção do Conhecimento. A proposta foi, então, um reflexo do nosso desejo de construir e de fazer parte de um caminho no qual seja possível pensar um modelo de produção e circulação do conhecimento mais democrático, um modelo que possa dar espaço às vozes que estão fora dos grandes meios tradicionais de publicação acadêmica, como a nossa, enquanto graduandos. E mais do que isso, o Circuito Acadêmico é a prova de que é possível pensar ciência, produção, reflexão e qualidade de maneira coletiva e colaborativa. Em tempos de uma academia que promove a concorrência e rankings, e premia o individualismo e o produtivismo, a iniciativa do C/A nos anima e corrobora diariamente que, sim, existem outros caminhos possíveis e que eles funcionam, pautados na lógica da cooperação, do diálogo, das trocas e da construção coletiva do saber.

A proposta inicial do Circuito foi produzir e fazer circular o conhecimento cientifico  fora da sala de aula. Através de resenhas, coberturas de eventos, notícias e entrevistas, o Circuito tem flexibilizado a distância entre professores e alunos. Paralelamente, também almejamos democratizar o conhecimento que produzíamos, buscando utilizar a internet como uma ferramenta aliada às nossas pesquisas. Trabalhamos para que o conhecimento seja expandido para além dos muros da universidade.

Ao longo destes 7 meses, o Circuito abordou temas como produção e circulação do conhecimento, internacionalização, sistemas de avaliação nas universidades, políticas raciais e de permanência, questões de gênero na academia, pós-colonialismo, eurocentrismo, publicação e produtividade, novas formas de produção científica, geopolítica do conhecimento e diversos outros. Totalizamos, desde o lançamento do site, 77 posts, contabilizando mais de 8.970 visualizações de 44 países.

Desde que surgiu, o Circuito têm sido abraçado com carinho por nomes que nos inspiram, nos fazem sonhar cada vez mais e nos incentivam a dar continuidade a este projeto. Entre eles, agradecemos a Michael Burawoy e a Gustavo Lins Ribeiro pelas palavras de apoio e por acreditarem na proposta e nos alunos que dela fazem parte. Agradecemos também a presença das professoras Celi Scalon e Maria Ligia Barbosa, do departamento de Sociologia da UFRJ, na mesa de abertura de nosso site. Assim como aos professores e professoras que nos concederam seu tempo e dedicação às inúmeras entrevistas realizadas até hoje, entre eles, o professor Sérgio Costa, da Universidade Livre de Berlim (Alemanha), o professor Sari Hanafi, da Universidade Americana de Beirute (Líbano) o professor Juan Piovani, da Universidade de La Plata, (Argentina), os professores André Botelho, Marinalva Barbosa e Elisa Reis, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, o professor Tom Dwyer, da Universidade Estadual de Campinas,  e a professora Hildete Pereira de Melo, da Universidade Federal do Fluminense.

Além dos professores, o projeto contou com o apoio de colegas graduandos que acrescentaram suas ideias e energias, fazendo com que o Circuito alcançasse novos horizontes e superasse desafios. Entre eles, gostaríamos de agradecer a nossa correspondente internacional Thamires Castelar, no Japão, e também a Bruna Saldanha e Julia França, por todo empenho e dedicação em favor da iniciativa este ano.

Acompanhando o desenvolvimento do site, a equipe que faz o Circuito também tem experimentado um crescimento pessoal e profissional que esta experiência abriu a cada um de nós. A constante prática da leitura e escrita coletivas possibilitou criarmos a confiança nas nossas ideias e na possiblidade de comunica-las. O que no começo parecia uma infindável “perseguição gramatical”, devido às inúmeras correções da professora Eloísa e as dez versões que apresentávamos antes de ter o post aprovado, hoje ganhamos confiança e autonomia, e lemos e fazemos as correções entre os próprios membros do site. Neste ponto, gostaríamos de ressaltar o comprometimento da própria equipe e o estabelecimento de uma força de trabalho coletiva, desenvolvida constantemente por todos nós. Este empreendimento se consolidou com nosso aprendizado da organização do tempo com os prazos de publicação, além de termos aprendido a compreender melhor a nossa escrita a partir das dificuldades do outro que, na verdade, também são as nossas.

Estamos cientes de que o meio acadêmico é profundamente validado no individualismo profissional, em que um sujeito único aparece como detentor do título, da ideia ou da descoberta. É neste sentido que procuramos empenhar nossos esforços diários na busca por um modelo que rompa com essa perspectiva individualista e da concorrência, e que se aproxime cada vez mais de uma proposta de conhecimento pensado e produzido por vozes e forças heterogêneas. Além disso, também acreditamos na importância de compartilhar o conhecimento adquirido e produzido dentro da Universidade para o restante da sociedade, duas instâncias que compõem uma comunidade indissolúvel. E isso só é possível através do trabalho coletivo da equipe, característica central da iniciativa.

Por fim, queremos agradecemos a vocês, leitores, por todo o carinho e comprometimento com nossos textos. Somos muito gratos pelos elogios, sugestões, críticas, likes e dislikes que deixaram aos textos postados aqui. Essa proposta não seria nada se não fosse por todos vocês, que também fazem parte do Circuito.

A partir de hoje o Circuito entra em período de férias, mas em março voltaremos com força total, com novas leituras e resenhas, novos nomes nacionais e internacionais para entrevistas, e um renovado pique para o trabalho de nossa parte.

Muito Obrigado a todos mais uma vez! Boas Festas e um Ótimo 2015 a todos nós!

Anúncios

2 comentários em “Circuito Acadêmico: 7 meses de reflexões, críticas e circulação do conhecimento”

  1. Parabéns pela iniciativa! Como recém-graduada em Ciências Sociais, o C/A veio preencher uma lacuna que eu sentia quanto a uma nova abordagem sobre os assuntos da nossa área e, sobretudo, um novo espaço – mais democrático, para discussões! 😀

  2. Acabo de chegar no site e já estou inspirada pela iniciativa. A proposta é incrível (ainda que óbvia, dada sua necessidade) e o trabalho de vocês certamente já está produzindo resultados. Parabéns.

O que você tem a dizer sobre isso?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s